quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Faróis Vermelhos...

Hoje acordei com uma vontade de não mais ver jornais televisivos ou qualquer outra espécie de mídia jornalística...É tanta desgraça, pessoas brigando por motivos banais e o pior de tudo, pessoas inocentes pagando pela ira de irresponsáveis nos trânsitos brasileiros..A mensagem de hoje serve como alerta para aqueles conhecidos como "de pavio curto": respirem fundo e contem até dez..A vida é feita de momentos, cada um estabelecido na hora oportuna, sem necessitar de pressa, desatino para tal..

Comparemos nossa vida como um semáforo, desses que encontramos em qualquer cidade do mundo: teoricamente, existem três tempos; o vermelho, momento de parar e repensar nossas atitudes para com o próximo e é claro, nós mesmos; o amarelo, ah o amarelo! Sabiam que esse "danadinho" engana muita gente?!Imaginamos que podemos seguir, pois ele enfatiza aquele instante de "meio-termo", quando não é nem verde e nem vermelho..Acho que alguém aí foi longe nas ideias, não é mesmo?!Momentos nos quais algumas pessoas agem sem refletir direito e outras, um pouco mais inseguras, avaliam, pesam as consequências..

A imaginação agora voou alto para boa parte de vocês, caros leitores, assim imagino...E por fim, vem o verde, ah meu verde presente na bandeira desse país, o qual em tese representaria o verde de nossas matas..Será mesmo que esse não deveria ser trocado pelo vermelho de tanta violência que assola nossa nação, todos os dias, em praticamente 100% de nossos noticiários?Calma, sem tanto drama, correto? Ainda existe um filete de esperança, tal qual o "riachinho de água cristalina que ressurge , após longos períodos de estiagem, em nossos corações vagabundos"...Após um pouco de divagação, afinal ninguém é perfeito e escrever tem dessas coisas, a gente se empolga e acaba deixando a imaginação fluir-até demais, confessemos...

Certas oportunidades só surgem uma única vez em nossas vidas, sejam elas ofertas de emprego, uma viagem inesquecível e até mesmo aquele por-do-sol que não conseguimos acompanhar, são sempre tão únicos, é sério, pode verificar nunca vão ser iguais..Embora nossa rotina pareça envelhecer um pouco nossas expectativas de dias melhores, pensemos na rotina das crianças, acho até uma incorreição de minha parte falar esse termo, já que essas "pessoinhas" encaram cada dia como uma oportunidade única..

Engraçado como eles falam de acontecimentos recentes como "naquele dia", não possuem a exata noção de passagem do tempo..Às vezes é melhor ser assim , concordam comigo?Porém o danado do tempo não perdoa! Traquino como ele só,parece querer roubar a beleza de viver cada ocasião como se fosse a primeira vez e tudo fica comum, sem graça..O bom de tudo isso é que existe um alento para mim, você e quem quer que leia essa mensagem: "Uma hora o sinal verde abre"...

Nenhum comentário: