sábado, 6 de dezembro de 2008

Dezembro, enfim..

Eis que aqui estou, escrevendo algo para marcar o início do mês que pra mim soa como um recomeço: Dezembro...Parece que todos nós, eu, você e quem mais quer que esteja lendo esse texto paramos pra pensar, reavaliar tudo o que realizou durante o ano, coincidências à parte, será que é por isso que é o mês de um certo nascimento, ou melhor dizendo, Renascimento.

Renascimento sim, sejam daqueles que cultivam qualquer espécie de credo religioso ou não, afinal cabe respeitar toda e qualquer crença ou não-crença..E olhem só que coisa boa (não me chamem de egoísta, egocêntrica, ou seja lá o que for!): é o mês de meu aniversário, fui "inventar de nascer" justo na época de parar pra rever todas as nossas ações durante o ano, será que é por isso que penso tanto no que faço, vivo reavaliando pra saber se a atitude que tomei foi a mais correta, a mais sensata, a que não vai prejudicar outra pessoa na história...Aliás, pra ser bem sincera, ando com um medo de tomar decisões, se bem que nunca fui muito boa nisso, tomar decisões, ô coisinha difícil viu?!

A gente fica pesando, distribuindo resultados, avaliando conseqüências, parece que de tanto pensar, refletir, o tal do medo realmente paralisa, impede de fazer qualquer coisa, seja ela boa ou má, acho que é medo de sofrer e de talvez fazer alguém sofrer também, não acham?Sei lá, só sei que nada sei, já diria meu amigo e guru Sócrates, parceiro das horas inexatas, incertas e intranquilas, nas quais parece que só a filosofia é minha amiga, conselheira, faz avaliar a melhor atitude à ser tomada, se for parar pra pensar, vejam a etimologia da palavra( nossa, como falei dificil agora hein?!): philos= amigo,sophia= sabedoria, olhem só, realmente ela é amiga, essa não trai, não mesmo...

Há quase um ano atrás estava passando por uma espécie de crise existencial, sem saber que rumo tomar, sem saber pra que caminho profissional seguir, sem contar na confusão que foi começar a nutrir mais que um simples sentimento de amizade por um recém-amigo na época, nossa, que "rolo"!Mas como dizem que quando a gente critica muito alguém por uma determinada escolha que fez, a gente acaba tendo que passar pelo mesmo dilema,e foi de fato o que aconteceu, ou melhor, acho que ainda acontece, olhem, é melhor parar por aqui, senão vou acabar é falando demais e como eu sei, pelo menos presumo, que algum ser humano deve ter muita falta do que fazer e pára em algum minuto do seu dia ou sua semana, não sei e vá ler
essas minhas "divagações" do que é a vida, a minha vida, melhor dizendo,então, encerro esse assunto por aqui, não, não estou sendo chata, desculpem, talvez um pouco precavida, só isso,ok!?

Minha cabeça quando começa a pensar demais parece que se abusa, chega pra mim e me fala:"Calma menina, desacelera, diminui o passo, não tem pra que essa sangria desatada não, deixa que o tempo cuida disso" só que não mais que de repente, vem o espiritozinho da lógica, a tal força racional que teima em querer me reger e me transforma em alguém que quer sempre uma resposta pronta pra tudo e não gosta de deixar nada pendente, nada pra depois e diz:"Minha filha, como é que é??É pra hoje ou pra amanhã, tome alguma atitude ou vai deixar que o tempo"te engula de vez"!?; eita coisinha complicada isso de ficar se analisando viu, acho que vou tirar umas férias de mim mesma, tchau menina, vá relaxar um pouco, depois você volta , com a cabeça fria e coração tranquilo; é, então tá, até depois...

Ludmila.

sábado, 29 de novembro de 2008

Carta à Tom...

Oi Tom, a carta hoje é direcionada à você, é, isso mesmo, à você, de onde estiver, acho que vai saber da existência dela, ah vai sim.Bateu uma vontade maluca de te escrever, pra falar do quanto gosto das tuas músicas, do quanto elas me emocionam, à ponto de eu ficar acordada até algumas horas da madrugada para ter a alegria de escutar que outros nomes da música, não menos talentosos, cantassem tuas pérolas, teus presentes para nossos pobre e cansados ouvidos, já tão fatigados de só ouvir desgraças mundo afora..

Ah Tom, como você nos faz falta! De ouvir tuas poesias,tuas letras cheias de esperança em dias melhores,pois esses últimos viu, vou te contar!É gente matando outra por causa de um simples "não","não, quero mais te ver", ah falando nisso, recebi um e-mail falando da importância de dizer NÃO nos dias de hoje, o que de fato concordo; é tanta permissividade, são tantos absurdos,pais sem coragem de dizer um sonoro "não" por receio de dar uma educação rígida demais à seus filhos, fazer o que não é mesmo, reflexos da "modernidade", se é pra ser moderna assim, prefiro parar no tempo, ser "atrasada" e tentar fazer com que alguém seja mais consciente de seus próprios atos; é muita desgraça acontecendo em tão pouco TEMPO....

Mas enfim, dentre tantas mazelas da sociedade acontecendo, uma me chamou a atenção: a solidariedade do povo brasileiro com as vítimas das últimas enchentes que vem acontecendo no estado de Santa Catarina,muitos estão realizando campanhas em prol da arrecadação de roupas, alimentos, remédios,pelo menos alguma coisa se salva; só seres como você para ter criado tantas coisas belas que ainda nos fazem acreditar que ainda existe jeito pra esse país, que insiste em ser menino...País menino, olha só, parece até letra de uma de música sua, não, prefiro não me atrever, talento pra arrumar as palavras, como se umas nunca tivessem se separado das outras, só você mesmo, de onde estás agora, deve ser uma festa só, não é mesmo?!

Tom Jobim, Vinícius de Moraes,Elis Regina, Nara Leão, Maysa, Clara Nunes...Tantos nomes, difícil escolher alguém que tenha melhores músicas que outros; por favor, não fiquem com ciúmes, mas o Tom mora no meu coração, não sei bem explicar o porque disso, parece que as músicas dele "batem fundo" lá dentro, acho até que a paixão dele pelo Rio de Janeiro acabou passando pra mim, me sinto bem quando estou lá, só de escutar o "Samba do Avião" me sinto chegando no Galeão, vendo aquela paisagem que só existe lá e em mais nenhum lugar desse mundão de meu Deus; é uma mistura perfeita de Mar, montanhas, um verde incomum, mais vivo do aquele que já tem estampado na nossa bandeira, ah minha bandeira, quanto orgulho de ter nascido no mesmo país de tantos nomes da música( patriótico, não?!)

Taí: adoro a mistura do meu país, todo mundo acredita em um pouquinho de cada coisa e isso não invalida nada, pelo contrário, mostra que somos um povo aberto, talvez ainda um pouco preconceituoso, é chato ter que dizer isso, mas é verdade, não adianta jogar a sujeira para debaixo do tapete, como fazem os americanos, não é mesmo!?Bendita seja esse caldeirão de cultura, tomara que de alguma maneira isso faça melhorar as últimas loucuras que vem acontecendo nesse país chamado Brasil....Mostra a tua cara...quero ver quem paga pra gente ficar assim!?

Ludmila.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Contradição: essa sou eu...

Não estou preocupada em alcançar números impressionantes de leitores desta página, mas confesso que tem lá suas vantagens ser reconhecida pelos próprios talentos, méritos,ou como queiram chamar..Será que isso teria alguma explicação?!Segundo minha terapeuta sim, afinal, uma pessoa que passou a infância inteira recebendo elogios, talvez nem sempre sinceros, mas os recebia e mais ainda, recebia tudo, como se diz por aqui, "de mão beijada"; estaria presente um resquício de ressentimento, um pouco de preconceito contra mim mesma, velado por entre sorrisos e uma ponta de ressentimento?!Não saberia responder, quem sabe o tempo ajude..

Ahh, o tempo!Esse que é ao mesmo tempo mocinho e vilão, nos faz passar por situações, histórias nunca imaginadas e talvez essas histórias nem mesmo aconteçam pois outro personagem faz parte dessa história: o medo..É, é isso mesmo, o medo,nos ajuda, mas como atrapalha; já me atrapalhou bastante, hoje talvez ele tenha um outro papel: evitar que me envolva em situações ruins, se bem que, se existe uma palavra que me defina hoje em dia, essa palavra é contradição..Tem dias que amanheço com medo, ansiedade( prima-irmã deste último!), sonhadora, um pouco triste, animada, enfim, tem dias que nem eu mesma consigo me entender a julgar pela variedade de sensações, é um verdadeiro turbilhão de sentimentos, confesso que tem horas que acho que vou explodir...

São tantos pensamentos e em muitas vezes, todos vem ao mesmo tempo e na mesma intensidade, tem que respirar fundo pra não dar uma pane, to pensando em desacelerar, tirar umas férias de mim mesma e voltar um pouco mais lenta, embora receba sempre avisos de que talvez seja uma pessoa "devagar", pura capa, a cabeça parece que não pára de pensar um minuto sequer, a não ser que esteja nas minhas aulinhas de inglês,ah minhas aulas, gosto tanto delas!

Acho que acabei queimando a própria língua quando disse um dia que nunca queria ser profeessora, por estar sempre relembrando do "calvário" diário de minha mãe como professora de francês, sempre me dizendo:" Minha filha, estude pra ficar numa situação melhor" e então, resolvi ingressar no curso de Direito, sei lá, parecia idéia fixa na cabeça, feito música de péssima qualidade, gruda mais que chiclete velho, enfim, acabei cursando, Deus sabe o porque de eu ter conseguido terminar todo o curso porque eu mesma não me entendo e quer saber!?Já desisti de me entender, prefiro reaprender a cada dia, avaliar melhor meus detalhes, minhas atitudes, rever meus conceitos e os preconceitos,ah, esses que eu jurava que não havia qualquer sombra deles dentro de mim, estão mostrando suas "garras"...

Certas coisas que vem acontecendo nas últimas semanas me fizeram parar pra pensar que nunca fui uma pessoa muito ligada à religião, pelo contrário, achava que acreditar que existia uma força maior bastava, que a única coisa que importava era ser uma pessoa boa, o que de fato não deixei de acreditar, o problema é que nunca tinha me deparado com uma pessoa tão diferente de mim, que tivesse crenças tão diferentes me fizesse talvez reavaliar o conceito de diferenças, percebi que tenho sim, devo assumir, que tenho dificuldade em aceitar uma idéia diferente da minha, talvez por não querer aceitar que existem pessoas diferentes no mundo, que pensam diferente, mas nem por isso sejam menos dignas; ocorre que certas coisas não devem vir à tona,mlehor deixá-las quietinhas, lá no vão do pensamento, pois quando são ferozmente discutidas só trazem dor, desentendimentos e o pior, sofrimento de ambas as partes..

Qual a necessidade de deixar que crenças, idéias, afastem o que de mais bonito deve ser ensinado: a união entre as pessoas, independente de credo, raça,concepção política ou qualquer outro empecilho verificado nestes dias de cão, quando um simples motivo banal vira motivo de briga e até de morte?!Respirei fundo, acalmei minhas idéeias e meus coração,esse último já um pouco cansado, mas parece que está sempre disposto à recomeçar, aliás, adoro essa palavra: recomeço; indica sempre algo sem rancores, sem cicatrizes, e aí, quer recomeçar?Eu quero e você?
Ludmila.

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Números..

Vivemos rodeados por números.Todos nos dizem quantas horas devemos dormir, quantas vezes escovar os dentes, quantas mastigadas a serem realizadas para uma melhor absorção dos nutrientes dos alimentos, ah, se for pra enumerar a quantidade de números que nos "perseguem", a lista certamente seria quilométrica, não acham?Engraçado começar à escrever sobre números, visto que embora eles sempre tivessem me rodeado,nunca fui muito íntima deles..Nossa!O quanto de problemas eles já me causaram!

As notinhas não muito agradáveis em matemática quando ainda sonhava que podia ter o arco-íris na palma da minha mão, os dias de espera para saber se havia passado nesta bendita matéria,que diga-se de passagem, é " exata demais" pra mim, talvez por me considerar a contradição em pessoa...Não entenderam?Eu explico.Há dias em que adoro a minha rotina de acordar ( não sei a hora exatamente, às vezes cedo, às vezes um pouco mais tarde), tomar meu lauto café da manhã, lecionar aulas de francês( do pouco que ainda sei),e na maioria das vezes, ir à academia,aulas de inglês à tarde e à noite,é,acho que só isso.

E por falar em academia, que maravilha de descoberta essa minha dos exercícios físicos, considerando que sempre fui a mais sedentárias das criaturas,morando à alguns metros da praia, mas sempre com aquela velha e boa preguiça de sempre;pois saibam que hoje em dia poderia até me renomear como a mais nova "viciadinha" em exercícios físicos,me fazem bem,conversar com pessoas,esquecer por um instante que as horas vem passando numa velocidade frenética..Menina, como esse ano passou voando,ou será que a rotina fez os dias passarem como na velocidade de um foguete?

De tanto fazer sempre as mesmas coisas, contando o tempo que se leva pra fazer cada uma delas,o ano voa, brinca com a gente e diz:"Muda menina, faz as coisas um pouco mais diferentes, assim eu não passo tão rápido pra você"...Interessante isso, não acham?!É como diz uma poesia de uma cantora-poeta chamada Elisa Lucinda:"Não deixe que a rotina sufoque..."E, por favor, prestem mais atenção nas "coisas simpáticas da vida", como olhar o brilho da lua no mar, ao cair da noite, as flores no mês de setembro,ler bons livros, ah, tem tanta coisa,láa vem eu, a pessoa mais subjetiva do mundo se metendo à besta de inventar de contar,usar os números à seu favor, é claro, e por que não?Sejam be-vindos ao meu lado subjetivo, porém com números...
Um abraço,
Ludmila.

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Confiança: cristal fino..

É, parece que a confiança, esse amigo de todas as horas é também um dos mais fáceis de serem quebrados: parece cristal finíssimo, aqueles "baccarat" mesmo...Depois de ter feito com tanto trabalho esse texto, parece que nem a página do blogger.com está me entendendo:estou tendo que recomeçar todo esse texto, do zero, assim como eu tinha falado no outro que a confiança parece um daqueles carrinhos de roda gigante, mais precisamente a roda gigante da vida, na qual cada carrinho traz um sentimento: felicidade, raiva, tristeza, ressentimento, amizade, alegria de viver; mas e se por um triste acaso, a vida faz parar o carrinho que mais precisa estar em constante movimento: o da confiança...

É, esse é bem mais complicado: construímos achando que ela tem a força de uma rocha antiga e não mais que de repente, ela se quebra, como um fino cristal após uma queda,é como se cada vez que passa-se a mão nas partes trincadas da taça de cristal, arranha a mão,reabre a ferida que achava que tinha fechado com a linha e agulhas do tempo..Por falar em quedas, como elas doem,machucam, parece que não temos mais forças para nos levantar; o cristal da confiança parece que se quebrou em caquinhos: seria possível reconstruí-los?

Aliás, palavra difícil essa: RECONSTRUIR,REFAZER, RECOMEÇAR...Parece que todas elas, em algum momento de nossa vida, alcançam o mesmo sentido: começar do ponto de onde paramos, de onde "caímos"...A questão é que o ser humano está muito mais habituado à continuar um projeto, seguir em frente, é como se em cada tropeço que damos, o corpo cansa, dá uma certa "preguiça" em começar "tudo de novo"...Mas existe um só detalhe que faz toda a diferença: e se , ao quebrar o cristal, sobrar aquela parte mais dura: a base, aquela que se faz presente como alicerce, como estrutura.Se pararmos pra pensar, a estrutura é quem faz algo permanecer, continuar, perdurar...

O cristal da confiança se quebrou? Refaça-o, reconstrua-o, à partir de sua base, eu to tentando fazer isso, mas confesso viu, é uma tarefa bastante árdua,dá um cansaço, uma vontade de desistir, mas vamos em frente, se parar, o resto dos outros carrinhos, tão importantes ficam parados, sem uso...Faça-os se mexer: estou tentando reconstruir o cristal de onde ele se quebrou, já que a base se manteve intacta; começo do ponto de onde parei, aliás, recomeço;colocando um novo corpo na taça da confiança, com muita mais força, mais veracidade..O carrinho da confiança ganha assim um prêmio extra: o da sinceridade,junto com mais outro, o da honestidade e um dos principais: o da honestidade, irmã-gêmea do caráter,tão importante nesse mundo desumano, cruel,ah, quase ia me esquecendo de um dos carrinhos mais importantes: o da esperança...Pense nisso!

Um beijo,

Ludmila.

sábado, 18 de outubro de 2008

Quebrar padrões: devo entrar nessa?!

Assim começo o blog de hoje: Vermelho...Nunca gostei muito dessa cor, principalmente se fosse para usar em alguma cor de roupa..Euu??Usar vermelho??Mas nunca, nunquinha mesmo, à não ser que fosse em caso de urgência extrema, como quando aconteceu na bendita formatura em Direito, que aliás não sei até hoje como consegui me formar,vai ver por essa minha insistência em sempre terminar o que começo, mesmo não estando 100% satisfeita, coisas de capricorniana teimosa até o último fio de cabelo, sabe como é...

Ocorre que, de uns tempos pra cá, comecei quebrando regras,paradigmas( nossa, como falei difícil hein?!),padrões que eu mesma já havia pré-estabelecido, como esse de não gostar e muito menos usar vermelho, à não que fossem alguns acessórios, tais como o meu belo sapatinho á la Dorothy, aquela mesma, do Mágico de Oz( será que se fechar os olhos e fizer um pedido eu consigo?!), continuando;comecei a usar esmalte vermelho, que achava que fosse coisa somente feita sob medida pra "aquele tipinho " de moças, mas enfim, nada contra a mais antiga profissão do mundo não é mesmo,risos..Até blusas vermelhas,nossa, quanta mudança,isso chega até a assustar um pouco, sabiam?

Hoje de manhã bateu uma vontade de assistir ao desenho do ogro mais fofo que já fizeram, Shrek, e assim o fiz..Liguei a TV,deu até uns probleminhas técnicos, nada que uma boa batida no aparelho de DVD não funcionasse, afinal,seja comprovado ou não, parece que quando a gente dá um "tapinha", as coisas "voltam" à funcionar,acertei?Percebi que até o próprio desenho em si quebra paradigmas, quebra padrões, a julgar pelo fato de que nós, meninas, sempre escutamos que quem sempre fica com a princesa no final da história é o príncipe encantado,não é mesmo!?

É,parece que os tempos mudam, embora no filme a Fada Madrinha, que aliás, diga-se de passagem, está mais pra Bruxa terrível,seja a própria mãe do "Príncipe Encantado",parem pra pensar um pouco:sempre tem alguém ajudando esse tipo de gente metida a se dar bem na vida,forcem a memória e vão logo se lembrar...

Acho que sempre fui alguém que demorou um pouco à se habituar às mudanças, nunca fui muito boa em tomar decisões; talvez pelo fato de que sempre precisasse de uma certeza de que nada iria dar errado,ou mesmo que se acaso desse, eu poderia quem sabe poder voltar atrás e tudo voltaria a ser como antes, assim como no passe de mágica que acontece no Shrek, no qual ele e Fiona voltam a ser os simples ogros de antes de toda trapalhada de querer ser o que não se é de verdade, fingir que uma simples boa aparência seja a chave de toda felicidade...

Já diria Jabor, em mais uma de suas crônicas interessantes, que "amar não é só dizer eu te amo, mas toda uma séria de atitudes que se tomam que fazem com que a outra pessoa de fato se sinta amada",bonitas palavras hein Jabor, pena que hoje em dia tanta gente se esqueça de todos esses valores tão importantes e acabem dando mais valor às coisas que às pessoas: o mundo anda em tanta pressa, as bolsas de valores substituem uma boa conversa em busca de se chegar à uma solução sensata, mas enfim, as pessoas estão amando as coisas e usando as pessoas, quando essa ligação deveria ser justo o contrário: amar as pessoas e usar as coisas...Amem mais, vivam mais e ao menos tentem usar menos, o planeta agradece...

Beijos,
Ludmila.

sábado, 11 de outubro de 2008

After all this time...here i am.../Recomeçando do ponto de onde parei...

Bem, depois de mais de uma semana adiando essa minha volta aos meus escritos, cá estou..Começo o post de hoje com um exemplo tirado da própria experiência de ter adiado mais de uma semana essa minha volta...O que faz um ser humano começar, criar novas metas, novos rumos e não mais que de repente, achar que nada tem jeito e simplesmente, desistir;achar que tudo está "muito difícil"?Passei todos esses dias pensando no que iria escrever e cheguei à conclusão de que também estou incluída no hall desses "faz-e-desfaz-de-planos",estamos sempre pensando no que podemos melhorar no que de novo poderíamos fazer e por medo, insegurança, não o fazemos...Acho até que já perdi a conta de quantas vezes eu fiz e desfiz planos:"bom, eu acho que esse ano vou me mudar pra França"-resultado: plano desfeito;resposta:"não levo o mínimo jeito com crianças"..

No começo do ano saí distribuindo meu Curriculum para meio mundo de escolas de inglês, afinal, sempre gostei do idioma e já havia ingressado no tal do "caminho-sem-volta" daqueles que começam na prática do ensino,logo eu, que passei a vida inteira criticando minha mãe por ela ser professora, nessa rotina incessante de trabalho,enfim, acabei "pagando com a própria língua", não é mesmo?!

Algo que aconteceu essa semana e que foi justamente o que me chamou a atenção para esse assunto,o de começar e desistir, foi a saída de uma aluna minha do curso de francês que ensino às segundas-feiras.Não mais que de repente,ela se irritou,pois havia faltado duas aulas seguidas e se sentiu meio "perdida"( afinal, a língua de Voltaire não é nada fácil, principalmente para a nossa nação tupiniquim),pegou seus pertences e saiu de sala, num arroubo de desespero, fiquei muito chateada, pensei..Será que a culpa foi minha,será que fiz algo de errado?

Nessas horas é que se percebe o quanto é frágil a tal auto-confiança que achava que tivesse adquirido,certamente ainda tenho muito o que aprender, muito o que amadurecer eu diria até..Mas enfim, muitas coisas diferentes vem acontecendo...comecei à dar aulas de inglês, idioma o qual sempre estudei, desde criancinha e pasmem, comecei à gostar desse " negócio" de ensinar,porém me sinto insegura em determinados momentos: penso que posso estar errando em alguma coisa,não sei..Resquícios de uma infância na qual recebia mais pancadas do que estímulos..

Retomando o assunto que deu razão à essa minha volta repentina a meu blog: que vontade que estou de ir me embora de Maceió...conhecer novos ares, novas pessoas,mas...e o velho MAS sempre me atrapalhando, sempre como a tal "pedra no meio do caminho", nas palavras de Manuel Bandeira..Rio de Janeiro: essa se traduz como a minha mais nova meta,um lugar grande, conhecido por suas belezas naturais, porém crescente violência..É como se fóssemos reféns de nossas próprias escolhas,sempre pesando prós e contras, chegando a pesá-los tanto que o medo do fracasso nos impede de continuar caminhando para a frente e nos sentimos dando voltas e mais voltas,reclusos em meio ao receio de conseqüências inesperadas..

O pensamento:"Será que se eu errar, se não der certo, será que posso voltar e recomeçar tudo de novo, do "zero"?Nos dias de hoje é tudo muito prático: não gostou?troca.Veio com defeito a mercadoria?Devolve.É tudo tão fácil, tão rápido..Mas onde foi parar o TEMPO?Tempo para conversar com os amigos, saber da vida..Nos deparamos com uma série de mudanças de valores: só aquele que tem mais dinheiro, mais condições,até os padrões de beleza;não existem mais padrões, o mais correto é imitar o cabelo da atriz da novela das 8, a magreza da modelo que desfila nas passarelas..E onde está o padrão principal, o da saúde??Diria mais, o da felicidade..

Feliz é aquele que tem o carro da moda,o figurino da televisão..quem não tem?Martiriza-se, espreme a última gota de esperança numa falsa noção de felicidade, a externa..Pra mim, ser feliz,é de fato estar conhecendo pessoas novas,novos lugares,fazer algo que me realize como pessoa e também para com o mundo..Ah, farei o possível para voltar aqui o mais cedo possível..quando voltarei?palavra difícil de ter um sentido plausível..melhor dizer: até sempre..

Ludmila.

domingo, 10 de agosto de 2008

Depois de quase um milênio...aqui estou de volta...

Depois de quse dois meses sem atualizar este blog, resolvi seguir os conselhos de meu amigo Gustavo, afinal é uma das coisas que mais gosto na vida: escrever tudo o que estou pensando, sentindo,"maquinando" sobre o mundo...Maquinar?Sim, existe esse verbo..Maquinar idéias, fatos e sensações que me intrigam,ah, mais uma coisa: além de escrever por aqui, ainda continuo fazendo minhas poesias;será que isto foi um "merchan" indireto,resquício de influências capitalistas,pode ser que sim...Ótima notícia tenho pra revelar,se é que meio mundo de gente não já o sabe: estou trabalhando!É,isto mesmo, estou trabalhando..Se estou gostando?Sim,bastante..Está sendo um aprendizado,mesmo tendo sido alvo de críticas de alguns "gregos e troianos" que insistem em querer, às vezes "sem querer", jogar um pouco de areia neste meu caminho,o qual vou construindo devagar, no meu ritmo, tirando as pedras que encontro e carregando-as para construir meu castelo..De felicidade...Nunca pensei que fosse ser tão capaz de realizar as tarefas mais simples, as quais seriam penosas para minha pobre alma imatura..

Ainda bem que o tempo passa, será que é bom mesmo que o tempo passe?A fase de descobertas está cada vez mais me tornando uma filósofa, calma, isto não é nenhuma tentativa de chegar aos dedinhos dos pés de figuras ilustres como Sócrates( ah, grande Sócrates!),Platão e sua teoria da caverna ou mesmo do tão "certinho" Descartes..Pobre Descartes,não sabia ele que certas coisas não se "nasce sabendo", mas sim acumuladas ao longo da vida no que chamamos de experiências, ora boas, ora não tão boas..Certas coisas, como diria Lulu, eu não sei dizer...

No momento me encontro, como eu mesma gosto de mostrar, "em fase de reconstrução"..E que reconstrução seria?Hora de reavaliar valores,sensações e até pessoas mesmo...Pessoas?Sim, pessoas,aquelas que realmente fazem a "diferença" em nossas vidas...Porque diabos o ser humano está sempre em busca dessa eterna troca de experiências?Simples.É inerente à natureza humana se comunicar,expressar suas idéias e sentimentos com relação ao que nos rodeia,revelando assim quem realmente somos..Confesso que usei um pouco da teoria de Dona Hannah Arendt( Dá licença, tá Dona Hannah?),aliás, bom saber que essas pessoas especiais existem aliar sentimento à raciocínio...E viva a filosofia,não é mesmo?!

Hoje é dia dos pais...Vamos analisar "friamente" esta data...Hoje me perguntei se é mesmo uma data de celebração por laços que unem pai e filho ou se não passa de mais uma tentativa do comércio dar um "boom" nas vendas?Depende do ponto de vista de prefere a primeira ou a segunda opção..Filhos que às vezes preferem não contribuir para o crescimento na já tão desgastada economia brasileira( sai pra lá, pessimismo!) e deixar que o coração "fale" o que quer dizer e é claro, aqueles que se utilizam da data "festiva" para ganhar a confiança e o apreço de papais não tão presentes..Pareço incompreensiva?Sim,pode até ser..Acho que a realidade dos últimos tempos me fez ficar, como eu diria, "um pouco racional demais"...Apesar de tanto cartesianismo, acredito que ainda exista um coração, capaz de suportar, como eu mesma disse na última poesia que escrevi,longos períodos de seca, assim como o sertão e ainda assim, permanecer aberto para mais outras novas experiências...Bem, acho que vou ficando por aqui, espero que gostem e se não gostarem, não tem problema, devo afirmar que ando um pouco "azeda",porém nada que uma boa dose de doçura não possa reverter: duas medidas de açúcar,um pouco de compreensão e uma dose cavalar de atenção..
Beijos à todos.
Ludmila.

segunda-feira, 23 de junho de 2008

Hi...Olá..Aqui estou de novo...

Hi folks,
Don´t know i´m still writing in englished,seems like you all have been vanished..No one lefts me a simple comment,ok, i'm in a little bir dramatic time, but it´s the simple truth,believe me, don´t know what´s happening, i think i fell a bit careless too...Well, things are doing fine..I´m teaching french on saturdays and i´ll start to teach english this next semester...I bet i'll try to do my best and not disapoint you all...Sometimes i feel a bit scared:choices are very tough stuff to think about..It´s raining very much outside,cold season,we´re in the beggining of the winter here,so, at a sunny city like mine,it´s a bit weird to see rain falling outside:sorry for my mistakes,i think i´m not clearing my ideas so acurately...Someone told me last week that i´m a fake person and that hurted me a lot, cause i know i´m not that awful person,if there´s a quality people cannot doubt on me,it´s my honesty,my ability to always tell the truth, to be sinceer to every single person in this world...I´ve been running through a tough period of my life, a period of difficult choices, choices which will change my future, for better for worse, they´ll change it...But believe me,i´m an honest person, to myself,to my feeling,and logically, for the others who surround me, who support me..Sorry if i hurt anyone of you,i didn´t mean to do it, it was not my intention,just to finish,i have all the certainty that my heart is light cause everytime single time of life i always tell the simple truth and i´m certain that this is the best way to keep the most precious treasure you can have: your friends...
All the best always,
XOXO,Ludmila.

Desde a semana passada,sinto como se ninguém acreditasse em mim...Acreditar em meus sonhos, nas minhas certezas e até nas próprias incertezas...Tentei seguir meu coração falando sempre a verdade, mas fui desafiada como alguém falsa, alguém que "brinca" com os sentimentos alheios,perdoe-me a quem quer que esteja lendo este blog hoje, isto não é verdade...A única verdade que poderia dizer a todos neste dia de hoje é:sempre fui sincera com todos que me rodeiam, se algum dia não fui, foi errando na intenção de acertar, de não machucar ninguém....Isso está mais parecendo com carta de político que tenta se retirar do "palco das ilusões":tranquilizem-se, não quero me retirar de nada, muito pelo contrário, estou tentando me apresentar no palco das certezas,não que isto seja encenação, como diria uma certa frase que li no status de um amigo meu:"É que não sou atriz...quando sinto dor...tenho que chorar"...Aliás, por falar em choro, até da sinceridade das minhas lágrimas foram capaz de duvidar,é o momento de partir em minha defesa...

Defender-me....Será que há mesmo necessidade disso?É como se eu mesma estivesse numa busca desesperada para que uma certa pessoa acredite em minha sinceridade,porém a pessoa mais importante a quem devo explicações....sou eu mesma...É isso mesmo, acreditem, devo ser sincera comigo mesma, com meus sentimentos e emoções...Piegas?Pode até parecer um pouco inicialmente,mas uma coisa é certa como a lógica da matemática: se eu não acreditar em mim, quem haverá de fazê-lo, eu sou meu melhor representante:discurso egoísta:não,em favor da minha felicidade, do meu bem-estar, de poder ter a consciência tranqüila nestes tempos em que muita gente muitas vezes coloca a própria certeza que dizem ter à prova....

Acho que o significado de meu nome diz tudo:querida por todos..E é assim que me sinto bem,acho que todos somos assim, não é bom estar em um ambiente onde não nos sintamos queridos, acolhidos por todos..É como se faltasse a última peça do quebra-cabeças: não se completam as coisas,parece que fica "faltando alguma coisa"....Preferi ser sincera com meu coração ao invés de seguir uma idéia fixa,puramente racional,sentimentos não surgem quando mais queremos, eles simplesmente surgem, devem ser notados,percebidos de maneira natural, nada na vida que seja forçado, "empurrado à força" tem a mesma força de quando vem com a sutileza de um desabrochar de rosas..e essa sou eu, tento colocar a sensibilidade em tudo que faço,embora em muitas ocasiões possa parecer "fria e distante",talvez seja um pouco de medo:é,tenho medo sim,de bastante coisa eu diria até,talvez por isso em determinadas vezes quando deveria mergulhar "de cabeça" vem a tal da racionalidade aninhada ao velho medo de sofrer e diz: "calma menina, vá devagar,pode ser que você caia"; a questão é que se nos deixarmos dominar por ele, é de um efeito paralisante tremendo, você se sente incapaz de caminhar, de ir em frente...Mas então, vem uma voz suave, como a brisa, e diz:"Calma menina,vá devagar..que você consegue"...É um bálsamo pra alma ouvir isso..Basta escutar com a pureza de um coração pronto pra continuar, seguir em frente em meio aos desafios que a vida nos oferece...Verdade: esse é meu nome;segue, coração de sonhos inquebrantáveis....
Beijos à todos....

quinta-feira, 29 de maio de 2008

After all this time..Here i am../Depois de tanto tempo..aqui estou..

Hi people,
Here i am, tryin´to keep you informed about my life and all the stuff i´m trying to do..Well, ´las t saturday i´ve started to teach french, got butterflies in my stomach,believe me, but i think i did a good job,at least i didn´t have any complaints of the students about the class..New people appeared in my life:one of them is really helping me,we´re going out,it´s been a week since we´ve seen each other for the first time,he´s friendly, patient,helpful and funny, i aprecciate very much all these skills,sorry, qualities,whatever!But i still have my plans to do another course, as i said to you all, Journalism, i think that´s the best choice for me..Don´t know what the future is planning for me, i must tell you that you have to enjoy the present,cause your past has already passed and your future, it belongs to God..Last tuesday,after almost 4 years, i´ve talked to my father,on the phone,but i´ve talked;last sunday was his birthday,i´ve sent some SMS to him and he answered at almost twelve hours later,no problem, i thought he wouldn´t answer them,it was a huge surprise for me..Too many things to forgive, too many mistakes to forget,life goen on and we must move on, that´s the way life it is..We still not arranged a meeting after we´ve talkes on the phone, but that´s my way to solve my problems:each by each, step by step,don´t have to rush the things,they have their own time to happen..I still have some doubts in my mind,but who hasn´t?!We´re human beings,right?
Many things are about to change, for better, i hope..2008..A really different year,some good stuff are about to happen:good people to meet,new things to do..Well,that´s my year..
All the best,
XOXO,Ludmila.
Feita as considerações no idioma mais falado em todo o mundo( que atirem a pedra os chineses e sei lá mais quem!),agora escrevo no idioma de Drummond, ah Drummond, quanta falta nos faz seus textos de sensibilidade aguçada e extrema delicadeza de detalhes...À cada vez que atualizo esse blog,um milhão de pensamentos e sentimentos diferentes vêm em minha mente..E eu que pensava que 2008 fosse ser mais um ano qualquer, daqueles que não se vê muita novidade,seguindo-se uma seqüência cronológica, ah o tempo!Tem gente que imagina que ele nos consome, e pode acreditar que isso acontece, mas não é sempre..Dominá-lo?Não existe como.Mas certamente pode-se conduzi-lo de acordo com nossos anseios... e sonhos...Por que não?!
Depois de muito tempo, voltei à falar com alguém que fazia 4 anos que eu sequer olhava nos olhos..Pai..Essa é a pessoa que me fez ter a honra de vir a este mundo, claro que foi uma obra divina,tenho um pouco de cada um, de minha mãe: um pouco de rebeldia, a voz altiva muitas vezes pra esconder uma insegurança latente e..um pouco da aparente frieza do meu pai,é,é isso mesmo..Muitas pessoas me dizem : "você é fria como uma pedra de gelo",pois não sou, apenas preciso ter a certeza que posso confiar em alguém para mostrar como sou,como é minha essência de fato..Ao contrário do que pensam,quando gosto, gosto de verdade..Não é só "da boca para fora"..
Sei reconhecer quando estou errada, embora insista em manter minhas convicções, não importa o que muitos falem..Muitas mudanças foram feitas,sei que hoje sou alguém bastante diferente do que era há algum tempo atrás e assim é o tempo: nos faz rever conceitos, realizar mudanças,ver que muitas vezes estamos tomando atitudes erradas e às vezes, inertes,por medo de possíveis conseqüências..Lembro-me agora, mais uma vez, da palavra que gosto de repetir:confiança,do latim,con fides, que quer dizer "com fé",colocar o coração em nossas atitudes nos faz ser mais confiantes,nos faz ter a certeza de que, agir com o coração é sempre a melhor escolha..
Beijos à todos!
Ludmila.

sábado, 3 de maio de 2008

Some really good stuff happened!Coisas boas acontecendo!


Hi folks,

Some really good things are happenin´in my life...I´ll start to teach english at a school here at my city, Maceió, i´m so glad..it´s gonna be my first real job, so nice to tell you all.Today,i´ll teach history to that students at that small village, where is not so far from Maceió,where i actually live..Well, i decided..2008 is going to be one of my best years, by the way, this is the name of a tv programme which i truly like, i think i see myself in Samantha, the main character.At the ned of the year, i´ll try to that global contest , with all the stuff i´ve studied at school to step forward on a new career: journalist..Yeah, believe me, the answer i´ve been searching for all my life has always been in my head: when i was teen, i made lots of good stuff to my school journal, so nice..And why the hell i´ve chose to study law?!I swear to you all, i still don´t know the real answer for that, till now..Therapy´s sessions is the best thing i could ever done in my whole life,if everyone knew, all of them would start that,it helps(for real!) to understand about ourselves, what we truly want for our lives..Guys, i always loved to write..Poems, chronicles, all that kind of stuff, besides, i know that when i´ll start journalism college,i´ll learn how to write in a truly tecnic way, how to tell people what´s happening in the world for the moment, but i don´t mind, i think i´ll really do smething i truly like, something to make my head weigh lighter, if you can understand what i´m tryin´to say..I don´t liked law´s college for real, only a few subjects, and believe me, this is not enough to this kind of career,honestly..

All the best always!XOXO, Ludmila.


É, enfim parece que as coisas estão começando a clarear na minha cabeça..Depois de algum tempo fazendo sessões de terapia que com certeza, me ajudam a me conhecer de maneira mais completa e chegar a conclusão de que minha atividade favorita na vida é escrever, está decidido:curso de jornalismo, aqui vou eu!Ainda não sei se conseguirei ingressar através da maneira mais fácil ou pela mais "difícil",leia-se:maneira mais fácil- via equivalência de curso e maneira mais "difícil"- vestibular, é isso mesmo..O que é a vida não é mesmo?Quem diria que eu conseguiria descobrir tudo isso..Demorou um pouco, mas consegui..É muito bom ter certeza do que exatamente se quer e não simplesmente sair "escolhendo as coisas por mero acaso", ser meio que "jogada em algum emprego"..

Dia desses estava conversando com um conhecido meu, falávamos sobre trabalho..Ele acabou de ser aprovado em concurso de nível federal, parabéns pra ele.Foi quando eu perguntei se ele preferia trabalhar de "cara feia", mas ganhando um ótimo salário todo mês; ele replicou me pedindo para perguntar às pessoas que ganham "pouco" todo mês se elas trabalham com um "sorriso de orelha a orelha"..É amigo, neste aspecto realmente divergimos, acho que faço parte da parcela da população sonhadora que prefere a realização pessoal ao invés da conta recheada no final do mês, afinal, de que adianta estar "rico" sem estar feliz?É óbvio que essa "dobradinha" é passível de acontecer, sim, existem aqueles que conseguem trabalhar no que realmente gostam ganhando uma ótima recompensa mensal por isso..


Admito o meu lado sonhadora; será que isso é coisa da idade?Cabecinha ainda cheia de sonhos, planos, idéias..Prefiro pensar assim..A vida reserva muitas surpresas, é claro, confesso que irei tentar não fazer com que ela, através de experiências e reveses, não endureça meu coração..Ah,boa notícia: tinha planos de começar a ensinar um idioma que sempre gostei, o inglês, e não que isso se realizou também?!Estou começando a acreditar nas idéias do tal livro "O Segredo": peça, acredite e receba..Pedi com tanta fé pra obter essa resposta e acho que consegui..Que bom..bom mesmo..É muito boa a sensação de se saber exatamente o que se quer, traz segurança,firmeza nas ações e uma paz de espírito inigualável..Hoje esse blog foi um diário de ótimas notícias..Notícias..Futura profissão?Referem-se sempre à algo novo e eu adoro coisas novas, embora o antigo também adore viver na minha memória..Arquivo de memórias..Esse é meu codinome..

terça-feira, 22 de abril de 2008

Hi guys../Tempo, tempo, tempo...

Hi guys,
Some odd things happened, but don´t worry, there were sort of,hmm, good surprises..Yesterday was a holiday here at Brazil, so i just had some fun..On sunday, i went to a party of my former´s friends class, it was awesome..I saw lots of friends who i didn´t see for a long time, since we´ve all finished school,so nice..Arrived at home at about almost 4.a.m,hehe..And, all of a sudden, like people like to say in fairytales stories, something unbelievable happened: i was in a chat room on internet and started to chat with a guy whose nick was doctor 25, and we´ve exchanged msn´s aadresses, we talked for 3 hours!Isn´t it wonderfull?!He´s from Maceió( thank god!), i´m sayin´this coz i´ve always been talking with other state´s guys and believe me, this is terrible, we never know if someday we´ll meet them for real...Soo, we went to the movies last night, it was very nice, we saw "the bucket list", with Jack Nicholson and Morgan Freeman..He´s very kind, i enjoyed very much..Don´t what´s gonna happen after that, but i think we´re gonna meet each other more times..I think he liked me, we´ve got so many interests in common..All the best always!XOXO Ludmila.

Confesso estar com medo de que meu coração se feche de vez à cada nova decepção pela qual a vida nos faz passar, não sei bem explicar o porquê disso, mas tá doendo mais do que devia, ou pelo menos do que não deveria, pois não estou sabendo como lidar bem com o tempo, com a medida dele, se é que este pode ser medido, avaliado...E como medir o tempo?Pergunta bastante difícil essa, já que ao mesmo tempo envolve algo muito lógico, muito matemático mas também muito subjetivo...Quanto tempo dura uma "dor de amor", uma expectativa frustrada?Não sei, realmente não saberia mensurar...

Tinha colocado aqui no blog há algum tempo, uma postagem sobre ser confiante, não que neste presente momento eu discorde do que já havia escrito,porém devo confessar que ela "está aqui dentro de mim, gritando por socorro, presa no fundo de um poço, daqueles que se usa um balde pra tirar água", mas não precisam se preocupar comigo, ela é forte e corajosa o suficiente pra vir a tona no momento certo, aquele que mais preciso..Nem sei direito se os fatos tem me afetado com tamanha intensidade,o que sei é que cada simples acontecimento, ligado ou não diretamente a minha pessoa me faz ter vontade de escrever, de desabafar, como se assim, as coisas acabassem ficando mais leves, mais amenas..

A vida que uma pessoa leva em sua infância, adolescência afeta e muito as experiências futuras pelas quais alguém terá que passar, tudo isso é inerente ao ser humano, ao seu engrandecimento como ser de verdade..Eu já passei por várias, algumas bastante complicadas, as quais se refletem o que me tornei hoje.Ser´que ser "pessimista" ajudaria talvez, a sofrer menos, a não viver em cima de expectativas?A linha que separa o pessimismo do realismo é muito tênue nos dias de hoje, vivemos tantas catástrofes, tanta falta de amor, seja a você mesmo ou ao próximo, ninguém mais tem tempo pra ceder aos outros e escutar o que têm a dizer, sejam as notícias boas ou más, parece que o tempo é mais rápido em relação ao que o próprio relógio indica, sempre "falta" tempo na rotina de cada um.

As pessoas costumam dizer, em suas intensas rotinas, que "sempre sobra trabalho no fim do tempo",porém há que se lembrar da subjetividade da barreira instransponível denominada "tempo"...Nós o fazemos, nós o coordenamos, organizando da melhor maneira possível, ao menos assim imaginamos.

O Tempo como conhecemos hoje, não existia antes, é a mais perfeita criação do homem, porém a que mais o domina, o subjuga, o escraviza..Se serviu para que o dia fosse melhor planejado, surgiu também a auto-cobrança, a culpa de "não saber dividi-lo da melhor forma" e é claro, a cobrança por parte daqueles que querem um pouquinho de nosso tempo..Quantas vezes repeti essa palavra aqui nesse texto hoje,...E você, saberia definir o TEMPO?Será que já perdemos muito TEMPO, eu fazendo e você lendo?Perguntas por enquanto sem respostas, talvez algum dia consigamos achá-las, qualquer coisa "te conto"...

domingo, 6 de abril de 2008

It`s a beautiful day../Dia de domingo...


To all my dearest friends,

Good morning to you all, now it`s a beautiful sunny day here in Maceió,city where i live..Nothing very special happened this weekend, i went to the movies yesterday and saw "Jumper", not so good cause i hate those kinds of movies, so "fantasious"..But i liked,i was with my friend, Ascânio, he´s very funny, almost nuts...For the moment,i´m not workin´,but it happen some national contests, to work with the government,it would be great,but it would be only to be financially independent cause when that day come, i´ll get somethin´which i really like, i believe in that fact when you like what you do, it´s always better, it´s always well done..This week a terrible thing happened here in Brazil: a young little girl, named Izabella Nardoni has been killed, thrown from the sixth floor at her father´s house..We still don´t know if it was his father and her stepmother who did that, it´s still a question without any reasonable answer..But we still have hope and believe that Brazil´s Justice will solve this question with the most important thing that matters to us and the young little girl´s familly:Justice..I´ve finished my typing lessons, despite the fact i´m still not typin´so fast, i must practise it, i know, but our other computer has some issues, and we´re tryin´to solve that..For the moment, i´m writin´at my mother´s, which is a lap top(really don´t remember if it´s the correct name for it!)..Please Suze, help your brazilian friend(gigles..)All the best ,XOXO,Ludmila.

É, mais um dia de domingo aqui na pacata cidade de Maceió, este lugarejo que por acaso eu vim "parar", é, e falei em "parar" não foi por acaso, pois parece que isto aqui não anda muito, não avança..As pessoas continuam as mesmas, falando "da roupa que fulana vestiu não sei onde", de que outra escândalo político foi descoberto em mais uma máfia que se encontrava escondida sob o tapete da malandragem, da esperteza, inerente à algumas certas pessoas, as quais insistem em manchar a memória de nosso país, do nosso povo, da nossa gente..Acho que por hoje já chega desse discurso de cunho populista que mais parece aquele personagem da novela das 8 da Rede Globo, não é mesmo?!

Bem, ainda continuo com aquela esperança que insiste em não se esvair de mim..Parece coisa de gente otimista demais né, daqueles que se "inflam" tanto,afirmando que no fim, "vai dar tudo certo e se não deu, é porque ainda não chegou o fim"..Hoje tem show de Nando Reis,já fui no ano passado, até queria ir de novo, mas nessas horas bate a velha raiva de sempre de simplesmente não aguentar ter que pedir dinheiro aqui em casa pra ir pra um simples show..Há uns tempos atrás, realmente isso não me incomodava, mas hoje incomoda, e muito..


Certas coisas vão se modificando com o tempo, porém outras insistem em ficar, como se fosse um aviso do tempo e do destino:"Isso faz parte de você, não deixe que a amargura no coração faça esquecer quem você realmente é"..Uma voz, lá fundo do coração, que ressoa na memória da alma, sabe?Como os meus próprios devaneios de imaginar que dias melhores virão..


Pensar que a palavra confiança vem do latim con fides,isto é, com fé, sem querer fazer apologias à religião a, b ou c,pois respeito qualquer tipo de credo, cor,ideologia política, embora tenha o direito de discordar delas e mostrar os meus pontos de vista,é claro;a liberdade de expressão, a qual também engloba a de imprensa, também deve ser respeitada, aliás, este é um sonho meu:escrever, dizer tudo o que penso, o que sinto, assim como faço aqui, através desse blog, sonho de que várias pessoas se beneficiem de uma palavra amiga, um gesto de apoio nesse mundo de hoje tão apressado e tão individualista, onde ninguém mais tem tempo para sentar com um amigo e conversar sobre o que ele fez hoje, quais são suas expectativas para o futuro, e é claro,como ele se sente naquele momento exato..Adoro esse meu lado, meio "Madre Teresa de Calcutá", traz um sentimento de ajuda ao próximo, de saber que só o fato de ouvir essas pessoas já é um alento..Será que nasci pra ser psicóloga?Ops, acho que não..Textos, crônicas e poesias..Adoro esse meu lado jornalista de ser..

Bom domingo à todos!

sexta-feira, 21 de março de 2008

Last post in english!/"Procura-se um amor"...

Well, i give up, that's my last post in english, no one lefts me a comment,it's been a long time since anyone left me a word of support, i'm not saying these words to impress you all that much, and for god sake, no to be in a victim role,characteror anything like that..I'll start to write in my own language, which is Portuguese, whoever wants to understand it, please use some kind of translating program,sorry..All the best for you,XOXO,Ludmila.

As ferramentas da internet sempre chamam a atenção de todo e qualquer ser humano pois evoluem à cada segundo que se passa..Mas uma me chama especialmente a atenção: o GOOGLE..O google!?Vocês podem perguntar porque de eu ter colocado algo que nem tão é tão novo assim e nem tão "moderno", mas o diferencial deste programa, no qual seus provedores devem estar limpando o chão com notas de cem dólares( epa, acho que fui meio estúpida agora não é mesmo?!Sorry fellas!) é que se pode colocar na "busca rápida" de um tudo: site pra comprar, pode-se visualizar fotografias de tudo quanto é tipo,poesias, notícias,piada sem graça; mas não sei se é possível escrever lá no campo de busca:"Procura-se um amor"..É, é isso mesmo, será que a teconologia evoluiu tanto, à ponto de se conseguir encontrar um amor de verdade em um meio virtual?
Apesar de tanta evolução, não acredito que um ambiente cibernético ofereça tanta sinceridade, verdade quanto um relacionamento de verdade, no qual podemos tocar a pessoa, olhá-la diretamente nos olhos e é claro( por que não?!) enfrentar todos os riscos e reveses que uma relação oferece?É inerente ao ser humano essa busca por algúem que nos complete nos vazios que temos, nas nossas fraquezas, nos nossos defeitos mais íntimos, que por vezes numa encontro com alguém de nosso interesse faz-se de tudo pra esconder num primeiro momento, mas que com o passar do tempo, da convivência, isso acaba se revelando, como num passe de mágica, as "máscaras vão caindo"..
No tão conhecido programa de televisão, o reality show de mais sucesso no Brasil, o qual se encontra em sua oitava edição,na primeira semana,"ninguém tem defeitos", todos mostram o seu melhor lado, suas melhores virtudes; com o passar das semanas, todos mostram seus defeitos, suas fraquezas.
Uma coisa é certa:se encontrar alguém, deixe esse alguém livre, sem amarras, ninguém nasce preso á ninguém, mas a alegria do encontro deve ser aproveitada, as pessoas não se conhecem por acaso e devemos levar o melhor de cada uma delas, li isso hoje num texto de um cara super legal, que escreve muito bem, quem quiser depois põe no google( coincidências não?!) o nome dele:Roberto Crema, o texto se chama "Atritos"..Então, como diz num dos trechos do próprios, essa é a mensagem:"Atritem-se!"..

segunda-feira, 10 de março de 2008

Hi to you all..Texto pra ler de coração aberto..

Hi everyone,
First of all, why are you all so abesnt from my blog?!I'm sad ok!?Just jokin',but i hope you all show up here more often,deal?!Well,i'm doing fine, went back home today from a very nice trip to Recife, a nice town 4 hours far from Maceió, the city which i actually live..I think i'm gonna be there nest weekend too, to do another contest to work for the government and get some more financial stability and finally,stop being my mother's little girl..Love you all!XOXO, Lud.

Este era pra ser um texto sério...Um texto o qual pensei enquanto fazia prova do Rio Branco ontem,mas prometo à todos que lerem esse post que escreverei sobre todas as opiniões sobre o uso da água e suas conseqüências nos dias de hoje, tão exacerbadamente tomados pelo capitalismo que à cada dia nos consome mais e mais..Era pra ser mais um domingo comum..Aliás, nem tão comum assim, pois não é toda hora que se tenta galgar um cargo tão elevado quanto o de Diplomata,é isso mesmo, tomei coragem,puxei o ar pra dentro e fui me embora pra Recife fazer a bendita prova, tão difícil e ao mesmo tempo, tão instigante de se conhecer...
Acordei neste dia por volta das 7 da matina(é, consegui esse feito!),meio trôpega de sono, cambaleando pelo quarto de minhas lindas primas e tomando cuidado para não acordar a Lu, que tava tentando dormir um sono razoável, depois de ter me "aturado" tossir durante a noite toda-explico:tosse que não sei exatamente se se tratava de problema de garganta( de verdade!) ou de "fundo nervoso", só pra variar..Ai,ai..Eu e essa minha ansiedade..Um dia eu ainda consigo dominá-la..De verdade..
Lá cheguei, no Colégio Contato( áureas épocas?!será) pra fazer a prova,com um nervosismo daqueles de ter voltas e mais voltas no estômago..Consegui chegar até bastante cedo, o taxista parecia entender que aquilo seria importante demais pra mim..Minutos e mais minutos foram se passando, a ansiedade da espera é algo terrível..Imaginem então pra a pessoa que vos escreve!Pensei então:"Acho que seria ótimo conseguir alguém para conversar durante essa tortura da espera pela prova"...Foi então que vi duas nobres criaturas conversando,perto de onde eu me encontrava, e então tomei coragem e me aproximei, com a mais tola das perguntas:"É a primeira vez que vocês estão fazendo essa prova?"..Deu certo...Começamos os três a conversar sobre as dificuldades do concurso..Os nomes?Jorge e João Marcelo..Que figuras ótimas!O primeiro, um quase doutor em Informática e o segundo, jornalista...Coincidência, não!?Lembram que tinha dito à vocês que eu sempre adorei escrever e que eu deveria ter feito era Jornalismo e não Direito..Pois é, ainda continuo confiando na máxima do nada acontece por acaso..Parece frase feita, clichê de quinta?É, pode até ser, mas explica bem a situação a qual vos explico...
Terminaram as provas, nos reunimos todos:Eu, João Marcelo, Jorge, Fernando e Adller(é, também tem mais malucos feito eu tentando chegar à Brasília!)..Decidimos então que a melhor opção era??Relaxar um pouquinho,é claro!Fomos à um barzinho super bacana,chamado "Entre amigos" e de fato era como eu estava me sentindo..Entre amigos..Conversamos sobre as questões(nossa, que tortura!),sobre política,sobre a vida no exterior( nosso correspondente,Jorge, nos ajudou e muito nessa parte!) e é claro, não podia faltar um pouco de abobrinha também..Na volta, João me ofereceu carona até a casa onde estive..Pessoinha interessante essa viu?!Fazia bastante tempo que não conhecia alguém tão instigante..Discreto, reservado, mas nem por isso pode-se desmerecer..Afinal, ele aceitou a empreitada de conversar com a moça que vos escreve, a qual inventou uma "desculpinha esfarrapada" pra conhece-lo e que diga-se de passagem....Não se arrepende nem um pouco por isso!É pessoal, essa sou eu,a mais nova "corajosa" em enfrentar a vida de cabeça erguida e muita vontade de vencer..
Tudo de bom à todos, sempre!

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Sorry folks, i'm really sorry for all those time of absence../Desculpem-me todos pela ausência,..

My true best friends,
I'm really sorry for all those time of absence, without writin' for you all how i'm feeling all this time...Many good things happened, but unfortunately, bad things happened too...I've already started to do that charity job,about being a teacher for those who don't have conditions to pay for a good school...First class had been in the last saturday, it was great!So many students were there, just waitin' for my help,my support..Instead of those good things,unfortunately my mother connot understand that this is good for my personal growing,you know, i'm still not working for real, receivin' money, a real payment,but this effort is making me stronger to struggle a little bit more...People are different one from each other, some takes more time to achieve a good job, a good payment..Something really bad happened yesterday: i've failed at my drivin' license test,at the afternoon, i was in a cab to my the gym and a crazy man crashed into the taxi i was, for my luck,nothing worse happened to me, my right side face is a bit swollen and a bit purple and my arm is a bit scratched too.I'm recovering my confidence in life,little by little,as i said to my shrink today,but i must say that it's difficult to handle this when you don't have peace enough at your home and specially when the person who would be the greatest one to support you always put you down..It's hard, i know and you can see,but i'm not going to be like her( my mother),i'm not going to repeat this terrible behaviour...Believe me..Thank you always for your wonderful support,i've missed you all this time, i mean it..All the best,XOXO.

Desculpem-me todos pela ausência, faz tempo da última vez que nos encontramos não é mesmo?!Como eu acabei de falar acima para os amigos de fora, muitas coisas aconteceram, coisas boas e ruins...Vamos começar pelas boas: as aulas no interior começaram, os quinze primeiros minutos foram bem complicados viu, meus braços e pernas tremiam, a voz saía meio trêmula, talvez pela insegurança de enfrentar uma turma com quase 160 pessoas,pois a experiência que tive foi irrisória comparada à um desafio grande como esse...
Fui dar aula no sábado passado, dia 23, bastante cansada, pois no dia anterior tinha ido à um show, que de verdade, eu realmente queria muito ir e foi bom , apesar de tudo..As bandas foram: Seu Chico, a qual só toca músicas de Chico Buarque e Nós 4,que toca muito pop-rock legal..Foi ótimo até o momento que cheguei em casa e dei de cara com uma certa pessoa, a qual não preciso entrar em mais detalhes, estava me "esperando" chegar em casa pra soltar a última bomba do dia: reclamar porquê não "pedi" para sair(literalmente!),porquê cheguei tão tarde,porquê gasto tanto a energia mental dela e a elétrica, enfim, só "porquês"..
Chega uma determinada hora que não dá mais pra aturar isso...Pois é, essa hora chegou..E agora, o que fazer?Opções:a)entrar no jogo dela;b) fugir não sei pra onde;c) Enlouquecer ou a última opção, pensar mais em mim e "fazer o meu", do meu jeito,...É, certamente a última opção é a mais sensata..
Ontem quando eu estava me dirigindo à academia, uma das melhores terapias que poderia ter encontrado, depois de ter tido um dia fatídico na perda da porcaria do exame de direção, um velho maluco atravessou o carro dele no táxi em que eu estava..O nervoso foi tão grande na hora que eu só queria saber de sair de dentro do carro e corri pra uma lanchonete próxima pra pedir gelo..Pobrezinha da minha irmã..Ficou desesperada.Pensou que eu tivesse toda machucada, mas os ferimentos físicos foram alguns hematomas no lado direito do rosto e meu braço ficou dolorido;já os machucados aqui dentro da alma, estes vão demorar um pouco mais a cicatrizar e curar...
Pessoas que fazem a diferença na sua vida são aquelas que te poem pra cima, sabem apreciar o que de bom você faz, sem serem bajuladoras e é claro que tem que te dizer quando você erra, quando você insiste em continuar errando..Mas tudo na vida tem limite:limite pra ser bonzinho,limite pra ser inconseqüente( às vezes!),limite pra razão..Acho que a única coisa sem limite que deve persistir, sem dúvida alguma, é a esperança, é acreditar que dias muito melhores que esses certamente estão por vir, essa essência é minha, é sua, é de todos nós..

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Here i am, back again!To de volta pessoal!

Hi guys,
It's been a long time since we've "talked"for the last time, rightBut, fortunately, here i am,to tell you some really good news..I started to have a daily routine,like i didn't have in the past, i've been livin' like day after day,nothing special was happening,but for the moment, i have a daily schedule,everything is written in my diary..Didn't like it all the time,but for now,it's good to have it,it's useful..On monday i'll start to have the basic photography classes,typin' classes,and to make you all astonished: i'll start the gym,nice isn't it?!I must say,it's erything so new,so different from my past life,it scares a little, but i'm sure this change will be really good for me, as a person who exists,for real..Today, i think i did a very nice thing:the man who takes care of a school,named Edson,he was a bit hungry,coz he came to work earlier than it's normal time,and he asked me to buy something to eat,so i replied:don't worry, i'll you get you something to eat,so i made him two cheese sandwiches and a beverage too,he liked it so much and i felt so useful, as a real person i know i am..So nice to feel this way!Saturday i'll start those charity world history classes,for poor people, as i said to you on my last post...I'm excited,a bit nervous..But i'll bet it's gonna be great to share some interesting knowledge with those people..And i must not forget to say that i'll start some extra drivin' lessons, to take my drivin' license,it's time, isn't it?!So,i'll hope to get you all informed about ehat's happening for the moment in my life;hope you all like it!All the best ,always!XOXO.
Após manter meus amigos estrangeiros informados sobre o que se passa em minha vida neste momento,vamos ao idioma que mamãe e papai nos ensinaram( e às vezes, só mamãe mesmo!)a a falar desde que éramos apenas pequenos bebês..Aliás, que pleonasmo esse que acabei de falar,se éramos bebês, não poderíamos nunca ser grandes..Mas chega dessa discussão boba, o que realmente importa agora é que,para desgosto de alguns e alegria de outros, me sinto muito bem, e querem saber o porquê?Pelo simples valor de me sentir útil..É,útil sim, nem que seja para uma pequena parcela de pessoas..Hoje, voltando para casa, me deparei com o porteiro do colégio onde dei aulas algum tempo me chamando, e como é ao lado de meu apartamento, fui prontamente saber o que ele queria, sabem o que ele disse?Perguntou se eu poderia ir até a praia comprar-lhe(e para mim também!) tapioca e eu então disse que não iria até a praia para depois voltar, mas iria em minha casa ver o que poderia fazer por ele..E foi o que fiz..Preparei dois sanduíches simples de queijo e uma latinha de guaraná..Levei para ele...Nossa, ele devorou os dois, acho que em menos de 5 minutos!
Foi algo tão bom de sentir,isso de se sentir útil..Acho que desejo isso a todo mundo..Se todos bem soubessem, fariam sempre algo para ajudar ao próximo,traz uma sensação de dever cumprido, de uma boa ação..Esse mês saiu a Gloss nº05..Acho que nem cheguei a contar aqui, mas mandei uma cartinha para eles, falando sobre a criação do meu blog, a rede de amigos legais que fiz através do blog do onepic aday(que aliás foi muito traira,pois bloqueou o acesso ao blog dele!), a comunidade que fiz sobre a influência da mídia no comportamento,aumentando ainda mais a minha rede de amigos e contatos virtuais..Nossa..É muita coisa mesmo!Tomara que eles publiquem a minha carta, to contando muito com isso!A propósito, esse é outro sonho: trabalhar nessa revista, fazendo textos legais, dando dicas legais...É, quem sabe um dia se realiza!?I hope so!Segunda agora começam: aulas de fotografia, digitação, se Deus quiser academia também(é meu bem é preciso manter a cabeça e o corpo sãos!),aulas extras de direção para enfim tirar a bendita carteira de motorista,estudar de verdade pro concurso do TRF,é minha gente,muita movimentação...Ainda bem!E que essa movimentação seja constante!

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

A heart with a bandaid../Coração com curativos..




Hi fellas,
It's been such a long time since i've talked here..Well,yesterday and today had a terrible conversation with Cid,yeh,that issue i thought it had been finished,started again,but that time, i mean it,i jumped out of this sinking boat...But,all of a sudden,an angel appeared to me at that sad moment of my life,i mean,sorry, lots of angels..First:Anderson,he's a guy who i met here at the internet,yesterday,he added me at the messenger,so great!He's from Rio Grande do Sul, very far from where i live,but i've no worries about this,he's a very nice guy.At the beggining,we talked about "that issue" i've already told ya..But after that,we started to laugh a lot,he was watching me at the webcam,so nice to see his face.Second angel:Michelle,she's "that person's" cousin,but she has nothing to do with this issue,she offered to work as a world history teacher in a small town near Maceió,city which i live,it's acharity program,for poor people .Soo,we've chatted till 1:15 am,so nice to know that he said i'm a very nice person,considering the fact he didn't know me till saturday..He wants to chat today again,and believe me,it will make my day really much better than now,still suffering a bit,but time will change this,like Gloria Estefan's song:"If i could reach..Higher.."Bye,Love you all!

De volta ao blog com o seguinte texto:Coração com curativos..
Inicialmente, pensei em escrever sobre uma matéria falando sobre beleza estética, mas decidi que o justo hoje,neste dia, seria escrever sobre o valor de um amigo..Amigo não é algo que possa valorar materialmente,emora alguns até se utiliem disso para conseguir seus objetivos, de maneira vil e crual eu diria até.São sentimentos realmente muito bonitos: amor e amizade..Mas o que fazer quando eles resolvem "se unir"?Quando somos pegos de surpresa e nos apaixonamos pelo nosso melhor amigo,armadilha do destino?Talvez..E mais ainda quando esse amigo diz que não pode haver nada além da própria amizade,cruel não acham?Não vou entrar no mérito de uma situação específica, mas é necessário que saibam:mantenham sempre a amizade acima de qualquer relacionamento amoroso,pois infelizmente alguns amores passam, mas a amizade é eterna,ao menos deveria ser,assim acredito.
Uma pessoa me magoou muito por esses dias..Mas aquele lá de cima escreve, com certeza, por linahs tortas e me mandou uma pessoa, a qual eu jurava que jamais iria conhecer,e ainda mais da maneira não usual que foi,através de um programa de bate-papo conhecidíssimo aqui da internet,acho que todos sabem do que estou falando, não é mesmo?Ele chegou,devagarzinho, como quem não queria nada,me "apelidou" no começo de brava,pois fiquei realmente intrigada "quem seria esse maluco me adicionando aqui assim, do nada?!"..Enfim,estranhei.Mas mesmo assim fomos continuando a conversa e chegou um momento no qual ele precisaria ir..Mas não foi..Acabou ficando,ficando,ficando..E dessa forma,chegou o momento que tive medo:ligar ou não ligar a webcam?Liguei,nossa que medo de ser criticada,afinal,nunca fui muito afeita às cameras,medo de talvez receber críticas?Pode ser.Mas,medos existem para serem dominados,certo?E esse texto está ficando muito cheio de interrogações e estu buscando reticências,uma continuação dos projetos de recarregar as baterias da minha auto-estima, a qual andava meio em baixa..Ano novo, vida novas, novas expectativas..
O texto em inglês acima,também fala da importância de algumas pessoas em minha vida,outras já de algum tempo, outras mais recentes..Minha grande amiga,Michelle, nos conhecemos há tão pouco tempo e já se tornou alguepm muito especial para mim, digna de minha admiração e respeito, à ponto de pensar em mim e me chamar pra encabeçar um projeto beneficente aqui no interior do Estado como professora da matéria que sempre adorei:História..Fiquei mesmo muito feliz com isso!Tomara mesmo que dê muito certo!Mais um ponto à meu favor:decidi que o melhor é tentar procurar um foco profissional possível,enquanto a meta da pós na área de comunicação social(jornalismo) ainda não se realiza...Ah, meus amigos!Que bom que eles existem!São poucos, mas os que tenho são fiéis,ainda bem..É como no post anterior,no que eu coloquei sobre a música com Carole King e as outras cantoras:"When you'd call up my name,and i'll be wherever i am, i will follow,to see you again"..E pretendo mesmo participar do projeto pra alunos carentes,vai ser ótimo me sentir uma pessoa útil,passar um pouco do que eu sei e gosto tanto para pessoas que não tiveram a mesma sorte de ter professores tão maravilhosos quanto os que eu tive..Espero poder ser uma luz nos caminhos dessas pessoas..
Desejo luz no caminho de todos que lerem essa mensagem,hoje e sempre!
Aí vai um poema que escrevi hoje:
"Dedos Mudos"-por Ludmila Moreira Gomes Viana
Falar..Com as mãos...
Sentir a cabeça flutuar...
Coração que leva na distância..A história de um tempo
Olhos fixos...Imóveis eu diria...
Sem palavras..Estranha magia.
Tempo...Contratempo?!
Não..Dádiva do presente...
Vindo...Bem-vindo...
Leveza na Alma...
Tempo, tempo, tempo...
Não passa...Fica...
Viva..Sempre.

segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

To my dear friends../Um ano se passou...

Like Carole King,Celine Dion,Shania Twain and Gloria Estefan aid on that song:"You just call up my name and i'll be wherever i am, i will follow,to see you again"...Thank you,thank you, one thousand times i'd say thank you and believe me,that wouldn't be enough..The simple fact to see your contributions to my mind health( don't know if ot's right or wrong,ok?!) is just wonderful..Bindi, you have so many reliable thoughts,nice to see you so many times here..Suzanne, i just love you,be sure!Today,i 've been very lazy.Went to my shrink at the morning,talked about "that subject" which really affects me( i'm working on it).I must say you,about that specific issue, i've jumped out of the boat,if you all understood what that typical brazilian expression means.The truth is: i have to make one simple choice,the one which will chenge my life and bring me joy,happiness and hope.Being a writer is the one which is my dream,but don't bring financial stability and the other one would be to do some contests to be a brazil's government employee( that would be surely great..despite the fact i'm so lazy to start to study for them),ok,i know,it's one of my huge faults..Next month i'll start my photography basic course, i think it would be very nice for me.On march it will happen a brazilian diplomatic contest,don't know for the moment if i'll do this, too much people fighting for the same job..I think it's nice to me coz i speak english,french, a bit of spanish and i can understand some words in italian too..I like very much knowing about other coutries,their language,habits, the way that they live..Today ot's doing one year after i had a wonderful time at Rio,where i was at my last january's vacation.I met a wonderful guy,his name was Gerald and he was german but spoke portuguese very well cause he lived there for a while.We exchenged e-mails till last november,but he suddenly disapeared, really don't know why this happened...My shrink told me today: write down all the things that you want for 2008,that will be nice to help you to make some choices that will bring you confidence on yourself.
All the best for you,always!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2008

Sorry,forgot to post in english!!!!!!!

Just to say that i'm terribly sorry with my foreign friends,today i'll write ONLY in english,right Suzanne?hehe.The post i'll write today is not so good..I cried yesterday for almost half an hour before tryin' to sleep..My mother and i had a terrible argument yesterday..She said only bad stuff about me..That i don't like to study for the contests which are going to happen this year here at our state,she said that i'm a shallow person and only thing that really mathers to me is writing this blog( that she specially said that is totally bullshit..) and worse, being online every time she's staring at me..I just can't get this situation anymore..Yesterday,the point was: why don't i try to do this contest to be a law teacher at a city at about two hours from Maceió, city which i live?I really don't want to do this and you know why?I want to get out of this state, i don't wanna remain here forever..This city is too small for my huge dreams.Like U2's song:"But i still haven't found what i'm looking for"...That's the truth,believe me..I'm still looking for what's special for me,what will bring me happiness and joy on doing it...She says i'm "getting old",time runs, i know,i'm not so stupid..I'm 25 years old..I must tell you all that i like to do some photography,like to learn some foreign idioms(just i'm doing to you all now, i just love writing to you all guys...) and the one i like most:writing..This is my special skill, i think you all knew this,considering the fact it was my choice to write almost every day to you all in english and i do this because i really like it,not because someone is pushing me to do this..Sometimes my thought drives myself crazy,too many thought for just one person..I wanna get rid of this awful situation but i don't know how,yet...On my last post i said that 2008 will be a great year and believe me,it will be,no matter how hard i struggle with anyone who tries to put me down..All the best for you,always!

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

É preciso dizer mais sim..

É,quem diria, uma quase miss Brasil disse uma frase que chamou muito a minha atenção..Natália, gaúcha de Passo Fundo, disse ao pretenso namorado,Fernando, carioca a seguinte frase:"Você precisa dizer mais sim".Interessante não?Ela chama atenção para o pessimismo dele, fato que não é tão difícil de se encontrar em uma sociedade que tem motivos de sobra para ser descrente em um futuro melhor, considerando o fato de nosso país ser uma horda de miseráveis vagando pelas ruas em busca de comida para aquele mesmo dia.Se acaso um dia vocês lerem um livro chamado "O Segredo", da autoria de Rhonda Byrne, com a colaboração de mais outros vários colaboradores,irão entender o porquê de quando temos um pensamento positivo ele tem muito mais força que um de natureza negativa,é perceptível que isso na religião tem outro nome:fé.Mas como acreditar em um mundo melhor quando todos os dias as manchetes dos jornais insistem em mostrar, em sua maioria, as piores notícias do dia.Raras são as oportunidades que tenho de ver uma edição do noticiário onde se fale uma cura para uma doença muito grave,que as chances de emprego aumentaram.Porém,nessas horas eu me apego à uma máxima que surgiu há algum tempo atrás:"Sou brasileira e não desisto nunca".Pois é.Recuso-me a acreditar,ou melhor a desacreditar,num futuro melhor para todos nós,assim como na poesia escrita por Elisa Lucinda;quando ela diz que "minha esperança é imortal" e embora todos achem que não há mais jeito,insisto em manter a esperança acesa,sempre alerta.
Mudando um pouco de foco, hoje tive meu momento de jornalista.Consegui fazer uma comunidade no site Peabirus.com sobre a influência da mídia no comportamento psicosocial da Sociedade Brasileira,já tive mais de 100 visitas.É claro que o caminho ainda é longo,mas uma grande caminhada sempre começa com o primeiro passo,já diria o filósofo grego Aristóteles(corrijam se eu estiver errada quanto ao autor da frase!).Ano de 2008 está sendo já muito especial,só de estar fazendo algo que estou gostando muito já vale e muito à pena.O futuro da mídia somos nós,blogueiros de plantão!E que venham os desafios,ouso enfrentá-los de peito aberto e cabeça erguida.Avante!

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Hello,i'm back guys!Estou de volta pessoal!


Hi folks,


Here i am,back again..Trip was pretty nice,had a very good time at Recife and João Pessoa too..I've missed you all these days long..I got used to watch this blog every day and see your wonderful comments..Some really weird thing happened yesterday..When i tried to see onepic's page,access was forbidden!How this had happened?Really don't know,i must say,i'm a bit angry with him,he's just gone,don't know why,don't remember when this happened..As i said to Suzanne,i'm tryin' to move on, forget the stuff that makes me feel bad,sad,freak,all kinds of bad things..Did some shopping at Recife,really good things to see there..So many different plans are running through my mind,new plans,someday i'll make these wishes come true..for sure..That's all for today..

Depois de oito dias fora, cá estou eu, de volta aos meus escritos..Ah,esses escritos..Fazem mudar os planos,imaginar que escrever colocando com o que estou sentindo é o que fará sentido de verdade..Estava eu em Recife ante-ontem, quando pensei:adoro escrever,adoro moda,comportamento,beleza,horóscopo(é, sou normal, acreditem ou não..),porqueê não fazer o possível pra enveredar numa carreira a qual eu ainda não tinha parado pra me imaginar inserida nela:Jornalismo,escritora ou algo mais ou menos desse tipo..É,descobri o que gosto de fazer de verdade,que bom..Acho que não existe melhor realização pra alguém..Achar, encontrar um caminho que a leve pra um caminho onde se sentir bem,à vontade é a melhor recompensa...Tomei coragem,escrevi a tal cartinha.É certo que ainda está sob a forma de um rascunho,mas o primeiro passo já foi dado..Mais um assunto vem a mente nesse instante:como é bom ter a sensação que se pode tomar as rédeas da própria vida,posso jurar isso,é uma sensação de estar completa,de deixar a ansiedade ir embora e só restar aquela calmaria..Sobre o que gostaria de escreverSobre tudo..Desde que coloque o melhor de mim em cada palavra passada para o papel ou , seguindo a tecnologia, para o computador..

Se eu teria coragem de escrever tanto para um tema sério como a falta de consciência dos nossos políticos, a história do nosso país(aliás, ô temazinho que adoro..História-origem das coisas) tanto sobre o programa líder de audiência dos tempos modernos:Big Brother Brasil.Acho que sei o porquê desse tema fazer tanto sucesso:o ser humano se interessa em saber do comportamento alheio, como se enfrentam as diferentes situações da vida,ou até mesmo só no intuito de fofocar,saber qual o corte de cabelo das participantes, qual a novidade no mercado da estética..Normal..

Um bom tema à ser discorrido..Porquê será que a mídia influencia tanto o ser humano, em sua maioria as mulheres, no modo de se vestir, de cortar os cabelos, de se comportar:será porque essa é justamente a intenção dos veículos de comunicação:mostrar o produto,vendê-lo e assim gerar mais renda,movimentando assim a máquina perfeita que é a mídia..Mas há de se concordar que é bom passar valores interessantes,só de ter a capacidade de poder expressar as próprias opiniões, coisa essa que não seria possível nos anos de ditadura aqui no Brasil.Mais uma temática interessante:Porquê aqueles que conseguem seu lugar na mídia são considerados "formadores de opinião",será que pessoas que não tiveram acesso à educação, cultura e por tabela desenvolver um pensamento racional necessitam de uma outra pessoa para incutir valores,idéias, pensamentos..

Estranho isso,aliás, estranho é o ser humano..A gente se esforça pra entender,mas parece que a cada dia que passa,nos tornamos cada vez mais complexos,os sentimentos mudam,valores mudam e assim o comportamento também muda..Parece bobagem não é mesmo?Acho que não..Será que evolução é algo que sempre vem para o benefício das pessoas?Pode perceber.O post de hoje é a mais pura dúvida:certamente tirei o dia para "filosofar", ficar me perguntando sobre o sentido das coisas e o porquê delas acontecerem..Voltando ao assunto abordado acima;que atire a primeira pedra quem nunca assistiu um dia de big brother,teve vontade de ler aquela revista que só fala de moda,de tendências,horóscopo,ah pessoal, eu sou normal..Parece música de Caetano Veloso né?Tem dias que gosto de estar séria, e outros eu gosto de falar abobrinha,ler abobrinha, acho que não há problemas nisso e não mostra nenhum desvio de comportamento, mas sim momentos e momentos..E que ótimo isso..Viva à diversidade..O mundo é muito mais divertido quando se vêem todas as cores e não somente tudo em branco e preto..Pensem nisso!fuii!

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Trip..thank god!Viajar, graças à Deus!

Hi,
I'm here to say that i'm leaving Maceió in one hour..Traveling by car to Recife with my mom and sister..Hope it's going to be fine there,have lots of fun..As i said to Suzanne, sometimes i get angry with my mom..She's "always" against me, my opinions,actions..Sometimes i wanna get out of here,i mean it..Hope i can find a job this year,which i truly like to be in..Well, i think i'm gonna be away from here(posts) for about a week,don't cry, i'll be back as soon as you imagine..XOXO Ludmila.

Olhando aqui uma comunidade no orkut,de uma moça chamada Dani, a comunidade diz: Dani,sentiremos muito a sua falta..E de repente me veio a curiosidade: o que será que aconteceu com ela?Será que ficou muito doente? Não sei..Mas as vezes nos deparamos com histórias de pessoas que mal conhecemos e pelo menos em mim "bateu" a vontade de saber quais eram os sonhos dela, o que ela gostava de comer como sobremesa,estranho isso?Acho que não..Normal o ser humano ter curiosidade pra saber como uma pessoa leva o seu dia-a-dia,seus sonhos e esperanças de um futuro quem sabe melhor...
Tô meio sem noção hoje, acho que porque acordei fora do meu horário habitual,através de um cheiro horroroso de comida que acredito eu, que tenha entrado pelo buraco do ar-condicionado do quarto de minha irmã, pois dormi lá de ontem para hoje, tô até escrevendo meio que sem pensar, só com o que está vindo na minha cabeça na hora, talvez por isso as coisas fiquem meio "fora do eixo " por aqui hoje..Hoje de manhã recebi um alerta de signos no meu celular, dizendo que eu mudasse de área profissional: seria um prenúncio da minha futura carreira, como quem sabe,jornalista?Já que gosto tanto de escrever sobre o que penso do mundo, os fatos que tanto me intrigam nessa roda viva de acontecimentos marcantes e até outros nem tão marcantes assim..Até já fiz uma "pauta" dos quem sabe temas para uma pós-graduação ou mesmo mestrado nessa área de Jornalismo..E eu que nunca havia parado pra pensar que gostava tanto de escrever assim..Continuo apaixonada pela linda ciência que é a História,é claro, acho que esse "casamento" é eterno, mas como uma de minhas pautas,será que jornalista também não possui um "quê " de historiador?Acredito que sim,pois de um jeito ou de outro,mostramos (olha só, já to me incluindo na categoria!) o que se passa naquele exato momento, naquele minuto,claro no intuito de ser o mais fiel possível à notícia,sem conteúdos políticos, mantendo a imparcialidade,se bem que ser totalmente imparcial é "meio impossível" ,já que somos seres humanos e sentimos,pensamos, refletimos,é um processo natural emitir alguma espécie de opinião sobre o que se passa no mundo..Concursos públicos?Sim,ainda penso em fazer, mesmo não sendo algo que tenha tanta empolgação em trabalhar de cara feia,sem gostar mesmo do que faço, acho até que tô sendo meio precipitada,afinal, nunca trabalhei com isso, não é mesmo?
Já "dei minhas mancadas" por aí nas escolhas que andei fazendo, talvez por essa razão eu esteja,ou melhor, seja,bem mais cautelosa no que diz respeito não só às escolhas profissionais, mas também nas pessoais,embora continue errando,com certeza um dia eu acerto,desacelerar o passo é a saída mais sensata,assim as respostas para as perguntas vem com mais clareza e é claro, certeza..Por isso, eu insisto:um passo de cada vez...

domingo, 6 de janeiro de 2008

Somewhere over the rainbow..


Hi everyone,

Never stopped to think how this song can change your heart and soul...It's my wish to you all: when you have a hard day,tiring day,just take a peek and listen it.Sometimes i have some singing skills, my friends usually say this to me:Girl, you have a beautiful voice..I admit it,not for all kinds of rhytms,but sometimes i'm inspired..Today is that day..I swear if i could, i would sing for you all.My heart "issue" is getting away from me,thank god.Today,i'll have a test to be a children history teacher at a city far about 50 minutes from where i live,i hope this will be fine.A message for my dear friend,Suzanne:Darlin', i would never have enough words to thank you for all the support you gave me,all the efforts that you made to bring together so many people to help me how to handle with this..Thank you all guys!I've even almost cried when i start to remember how can tecnology brought us all together..So fantastic!It's making a beautiful sunny day here today,i won't go to the beach today only because of this test,but it's not a problem,i have the hole january to do this,it's now Summer in Brazil( thank god!)..We have warm water here all year long,city is full os tourists,please be yourself all welcome to visit our fantastic beaches,i'll promise to be a nice tourist guide!Yesterday i was thinkin' about a soap opera which is passing on tv,called Duas Caras("Two faces,translating it!)..Too much violence,poverty,but it's some kind of our reality and it has to be shown..This is something i wanna tell ya: i love writing about these subjects,how can social issues can affect our lives..Perhaps it's my destiny: being a journalist?Don't know,but i bet it would be great, i used to write poems and texts to my school journal,and believe me, people thought they were really good!I hope all my dreams(of course,yours too!) come true...I'm tryin' to figure me out,it's a tough work but it's an important thing,to make you feel better with yourself and face the world with courage..

All the best,always! XOXO Ludmila.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2008

Thank you all!Obrigada à todos!!!!!!!!!!


Hi everyone,

I'm here today to thank all the support you gave me today..It's really important how can one simple person(Suzanne) could brought so many people to my blog and leave some kind words to me, i'm glad of it..I think every word you all left me, i've been thinking of them before you telling me..I think Cid's a bit confused and believe me,he's so afraid of a real relationship with eye to eye,touching and all the issues which an effective relationship has that he hides himself through this strange kind of commitment,i don't think it's "really real"..Little by little i'm starting to smile again,very slowly,but i'm recovering hope on a better future for me..As i said on my last post,on monday i'm traveling to his city,Recife,which i've some relatives to visit and of course,take a time to relax,do some shopping( yes,i like it!),i'm not shopaholic(really don't know if this word exists!).The book i've bought to him?Don't know what to do with it,tomorrow i'll have a nice talk with his mother and i'll tell her my point of view about this mad history..Juliana,my best friend,told me today not to do this,to search for his mother,it'd would be worse coz she should defend her son instead of hearing my version..Don't know..I only could know this if i actually do this and i'm accepting all the risks of that attitude..Finally,i still have hope on a better future to me and of course,i wouldn't have enough words to thank you all for supporting me like this..All the best,always! XOXO Ludmila.


É,hoje o dia é de agradecimentos mesmo..Agradecer por mais um dia, por estar viva, pelo simples fato de estar respirando mas é claro, agradecer a uma pessoa que sequer conheço pessoalmente, mas que moveu mundos e fundos pra que outras pessoas deixassem palavras de apoio pra mim nesse momento meio complicado que tô passando:Suzanne...é uma pessoa que posso dizer de antemão que está sendo praticamente uma mãe mesmo pra mim,porque só mãe mesmo pra fazer o que ela tá fazendo por mim..Ainda dói muito tudo que to passando,sabe, mas só de receber todo esse apoio sinto que não estou sozinha e isso sim é muito bom...Segunda agora,dia 7, to indo pra Recife,sei nem como é que vai ser..Espero que corra tudo bem por lá..

Vou fazer o possível pra passear bem muito,ver os parentes,enfim, tentar "amenizar" isso ( como eu mesma falei pra ele) fazendo coisas legais..Ahh, falando em coisa legal, dia 12 é o show do Air Supply lá, to querendo muito ir!E também queria muito que Ed,o amigo que quase conheci no show de Scorpions ano passado,queria que ele fosse..Ele me ligou hoje de manhã e também concordou que essa loucura, essa utopia de relacionamento virtual,simplesmente não existe!É como o próprio nome diz..Virtual..e pára por aí!Mas, como no livro que ele mesmo me deu de aniversário, é preciso pensar positivamente e é assim que procuro agir..

Uma amiga minha chamada Lauda me disse via msn que o que ele me passou, essa mudança no modo de encarar a vida deve perdurar, mesmo que o que eu porventura esteja esperando não se concretize...Só espero que o tempo se encareegue de fazer ele enxergar que um relacionamento à dois de verdade é feito de convivência, olho no olho, toques,etc..Só pra finalizar,como diz a versão de "Reach" cantada por Gloria Estefan:"Eu vou tentar..Sempre..E acreditar que sou capaz..De levantar uma vez mais...".

quinta-feira, 3 de janeiro de 2008

Bit sad today..Meio tristinha hoje..

Woke up early today..My god, i had a terrible conversation with Cid yesterday.I swear i cannot understand how the hell the can handle with that mad relationship far across the distance with the girl from Pernambuco's small town, which by the way is called Garanhuns...Don't want to talk about this anymore,it's causing so much pain..My heart is wounded..Hope this get better as soon as posible, can't hold this situation..It's so nice to have that special feeling,love..in spite of it, i'm suffering,but i still have hope to change this situation..Please, really need all your help..He even cried when we talked yesterday,really don't why...And i don't want to know why..
All the best..
Tô meio sem paciência pra escrever hoje..Acho que deu pra perceber pelo tamanho do meu post na versão em inglês..Tive uma conversa meio dramática com ele ontem pelo skype..Fui literalemente "empurrada" contra a parede...Perguntou o que eu realmente sentia por ele e é claro, fui muito sincera, como sempre: Disse que de fato antes só sentia uma bela amizade, só que esse sentimento foi se expandindo,tanto que chegou onde chegou...Só posso dizer que me sinto feliz por ter a nítida certeza que meu coração ainda se encontra extremamente capaz de nutrir um sentimento tão bonito e completo por alguém..Nesse aspecto, concordo com um desses poetas que não me recordo o nome:"É melhor ter amado e sofrido do que nunca ter amado"..Se não me engano, acho que o autor era Lord Tennyson..Acho que porquê quando a gente não ama, passa a vida toda num estado de letargia, meio anestesiado,sabe?E mesmo com toda a conversa triste que tivemos ontem,nossa, até chorar ele chorou..E eu lhe perguntei o porquê dele estar chorando e ele respondeu:"Acho que ando meio sensível ultimamente"..Qual será o real motivo pelo qual ele chorou,praticamente desde o início da nossa conversa?Realmente não sei..A não ser que algum dia ele resolva me dizer..Ontem tive a atitude de ligar para minha avó,depois de quase dois anos, eu acho...Tudo isso depois de uma maravilhosa conversa que ele e eu tivemos na terça-feira, na casa dos tios dele..Como esses três dias foram maravilhosos!Domingo( dia30/12), segunda(31/12) e terça (01/01/08)...Vão ficar aqui, bem guardadinhos na minha memória..
Foi o melhor reveillon que tive, não precisei de mais nada, só a companhia dele já me fazia feliz, e muito...É uma pessoa iluminada,um espírito iluminado, que possui defeitos,é claro, assim como eu, mas que com certeza tem muita coisa a me passar..Tomei uma atitude meio drástica ontem a noite depois da conversa com ele..Guardei o livro que mudou tanto meus pensamentos,minha maneira de encarar a vida num gesto desesperado de tentar amenizar a ferida aberta aqui dentro..Será que funcionou?Não sei...Só sei que tá doendo..Muito..Mas sofrer faz parte da natureza humana,talvez seja uma coisa não digo boa, mas que pode contribuir pra me fazer perceber que ainda estou viva, que ainda sinto,choro, sofro, amo..Enfim, sou humana..Graças à Deus..

quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Things really changed../As coisas mudam..E como!


Hi folks,

It's me,here again..So many things changed these past three days..That "history" with Fabio has already finished, i was to trying to threat myself and of course,it wasn't right with him and me..Sunday i went to a very nice pub here at Maceió with Ascanio,Erika( Ascanio´s girlfriend) and Cid,my truly best friend..Very good night,just because i was in Cid's company..Don't know if it's right to tell this here,but my heart is telling me to..All of a sudden( just like a fairytale!),that wonderful friendship feeling,which i felt for Cid turned into a deeper thing,really don't know how to explain this,but i'll try.I had a wonderful evening with all my friends and guess what was the gift i received from Cid?That special book,called "The Secret",i bet it's why i'm thinking so different from now on..This book changed my life,my way of thinking..I think i was a bit negative person but this changed,i'm tryin' to think positivally all the time..I'm sure that book didn't come to my "his hands" by accident..It was destiny,for sure..So, the 31st december was perfect!I went to the beach with Cid, Ascanio and his girlfriend,erika, who didn't feel so good and Ascanio had to go and came back without her..We had a very nice time,just me and them,taking baths in the blue sea of Guaxuma's beach..At night,guess what?!I was at Cid's house!And believe me, i was very happy for that moment!It was everything i've asked for,i came back to my house at about 4:20 am!Very nice time..Yesterday,i went to Cid's aunt beach house at Ipioca's beach..Wonderful time, again..Don't know how this have started..Just know that i'm enjoying this moment very much,despite the fact he has a virtual girlfriend,who he didn't meet personally till now..I really just can't agree with that..He lives at Recife,250 kms from Maceió,just abouve Alagoas's State( you can see on the map!)..The girl live in a small town,don't know how far is from Recife..The only and true thing i must tell you is that: How the hell he can say that she amuse her,love her and still didn't meet her personally,and the same i say for her...Don't want to know this,believe me..The only thing i can assure to you all,for him,i'll do anything,everything,as posible as i can do..When he comes to visit his parents here,i do all the efforts to see him,can you realize this?!This is the proof he needed to be sure,we have so many beautiful things to learn with each other..Time will show this to him...For sure!

All the best!


Faladas as partes em inglês,agora vamos a parte que cabe na língua de Camões, claro que já meio modificada por todas as influências estrangeiras que já sofremos durante esse tempo todo...Esses últimos três dias foram realmente muito especiais pra mim..Antes já acreditava que tudo nessa vida não acontece por acaso,pessoas não aparecem na nossa vida por acaso,isso é uma coisa já certa, pelo menos pra mim..

Quando eu pensava que já tinha todas as respostas pra tudo,vem a "danada da vida" e muda tudo, de novo!Nossa, que reviravolta!Eu poderia jurar que já tinha "tudo certinho na minha cabeça"..Mas uma coisa é certa e é claro que devo dizer: mesmo com todas as mudanças, acho que sempre quis ter tanta certeza como tenho agora do qu quero..E tenho que, como diz uma passagem do meu agora livro favorito,O Segredo:"Eu sou grata e feliz por ter tanta certeza que quero...", o resto? Não, sorry, mas não vou dizer a vocês, é o "meu segredo"..Tenho tanta segurança no que sinto!E que maravilhoso estar sentindo tudo isso...Fazia tempo que não me sentia tão completa assim..Todo dia agradeço por isso que to sentindo..

Tem gente que diz: não goste de fulano se ele não gostar de você, só por medo que a outra pessoa não goste de você, já eu,penso assim:Ame, ame com tudo o que puder,é um milhão de vezes melhor que ser indiferente"..Disso tenho absoluta certeza!Aconselho a todos vocês que estão lendo esse post agora,leiam esse livro,é uma experiência engrandecedora...E é claro, não poderia ter sido uma pessoa qualquer que me deu esse livro, foi me dado por uma pessoa especial e isso vai ficar marcado pra sempre..

Ontem tive uma conversa com ele que me fez perceber muitas coisas que antes não tinha parado pra pensar..E cada vez que ele dizia uma palavra, eu ouvia com a maior atenção do mundo..E como é bom conversar com ele,olhar nos olhos dele,diretamente,mesmo que por vezes ele desviasse..É o olhar mais sincero que já recebi..Talvez ele tenha um pouco de medo de assumir que tenha algo da parte dele, já que ele passa por um momento meio difícil..Desculpe, mas na minha cabeça de simples mortal não "entra" que alguém conheça outra virtualmente,comece a ter "um relacionamento sério" com essa pessoa e nenhum dos dois faça esforço para se conhecerem pessoalmente?!Realmente,dispenso entendo e nem vou entender, é desnecessário entender...Graças à Deus que sou uma simples mortal,isso faz de mim humana, e é justamente essa a dádiva recebida, o presente recebido..O que sei é que essa pessoa é realmente muito especial pra mim e tenho certeza que ele sabe disso..Ah, sabe sim..E tenho certeza que gosta muito de saber isso, assim como eu...O dia 31 de dezembro?Nossa, foi mágico pra mim!Só de estar na companhia dessa pessoa já valeu e muito a pena!!!Como eu fiquei feliz, tudo aquilo parecia um sonho e o melhor de tudo, era que foi a mais perfeita realidade!E como eu ainda continuo feliz por ter tanta certeza do que sinto..O desejo de que o quq quero se realize está aqui,quero que ele continue aqui e será realizado..Ahh, vai sim!É pessoal, 2008 realmente promete muitas emoções mesmo!E que bom!Tô muito felizz!