terça-feira, 27 de novembro de 2007

Fim de ano,já?!

É, parece que esse ano passou bem mais depressa, pelo menos bem mais que os outros.Não sei se vocês perceberam, mas foram tantos acontecimentos num ano que dia desses tava começando.E todo dia 31 de dezembro a gente faz planos, faz aquelas velhas promessas de sempre, tipo: ano que vem vou estudar mais, vou fazer uma dieta, vou arrumar um namorado(a)-essa daí diga-se de passagem anda bem complicadinha de ser cumprida-.A verdade é que essa é a maravilha de quando chega esta época,embora muita gente seja cética à ponto de dizer que esse clima de bondade, de união familiar é pura utopia.Talvez até seja, mas a simples idéia de "reeditar" os planos de mudanças a cada fim de ano que se aproxima já é algo muito bom à ser dito.Afinal, essa esperança "que teima" em voltar à bater em nossas portas e nos fazer repensar certas atitudes ou ainda mais, certas "não-atitudes", coisas que poderíamos ter feito e não fizemos, como abraçar alguém que gostamos, procurar por um emprego que te valorize e até mesmo rir daquela piada boba, sem graça que teu amigo te contou, nem que fosse só pra "dar aquela força" num futura carreira de ator humorístico.Ihh, será que meu blog tá virando livro de auto-ajuda!?Ou será que eu mesma sou o que se chama de um livro de auto-ajuda ambulante?Tem momentos na nossa vida em que só sabemos reclamar, falar do que de ruim aconteceu, da comida que queimou, do vestido que rasgou...Acho que o mais importante é comemorar, celebrar que tudo isso acontece.Certamente, o mundo seria uma chatice se só vivessemos com coisas certinhas, nos seus mínimos detalhes,uma frase muito interessante que vi em um filme(é, sou cinéfila mesmo!) é quando a protagonista chega pra mãe e pergunta: "mãe, você se arrepende de alguma coisa que fez no passado?" e a mãe dela responde:"não filha, acho que não me arrependo de meus erros.Afinal, como eu poderia saber qual o certo se eu não tivesse errado?".Essa fase de fim de ano é ótima por isso: a gente pensa que se por acaso erros foram cometidos, acertos mais à frente podem ser percebidos."Nossa, até rimou, ficou bonitinho né?É, de vez em quando acho que minha mente se inspira, será que é por causa do tal "Fim de ano"?É,tomara que sim.

Nenhum comentário: